English Version

UTOPIAS MODERNAS

03/06/2016

Com curadoria do historiador Jayme Vargas, mostra contempla ícones período

Com curadoria do historiador Jayme Vargas a exposição Design Moderno – Uma Vertente Brasileira traz para a ArtEEdições Galeria cerca de 30 peças marcantes do modernismo, criadas entre as décadas de 1930 e 1970. “Quando pensei na curadoria, me veio em mente uma das mais significativas utopias do movimento moderno, a busca de uma maior proximidade entre o espaço do cotidiano e o da criação artística”, explica Vargas.

As obras, disponíveis para a visitação a partir do dia 5, são em sua maioria de coleções particulares. Serão itens de mobiliário, tapetes e luminárias que levam a assinatura de nomes como Jean Gillon, Joaquim Tenreiro, José Zanine Caldas e Sergio Rodrigues. “Fizemos algo voltado apenas para a qualificação do que seria exposto, sem preocupação comercial.”

Matéria publicada pela jornalista Natália Mazzoni do, O Estado de São Paulo em 03 de abril de 2016

1° FOTO. Poltrona Bowl, de Lina Bo Bardi, criada em 1951.

2° FOTO. De Oscar e Ana Nieyemer, a Chaise Rio, de 1978.

3° FOTO. De Joaquim Tenreiro, poltronas Leve em versão de madeira (1942).

4°FOTO. De Joaquim Tenreiro cadeiras com braços, de 1960.