English Version

ACESSÓRIOS COLORIDOS SOBRE BASE NEUTRA DÃO PERSONALIDADE A APARTAMENTO

14/10/2016

Apartamento antes monocromático agora esbanja acessórios coloridos

Na antiga decoração deste apartamento de 76 m² em Moema preto e cinza predominavam. Agora, não faltam cores em móveis e acessórios sobre uma base branca. E a moradora é a mesma pessoa, a empresária e designer de interiores Bruna Fabris. “Troquei o monocromático pelo colorido. Misturei muitas estampas, sem medo de ousar, mas com a preocupação de deixar tudo em harmonia”, diz.

Ela dá uma dica para quem está reformando a casa e gosta de trocar a decoração vez ou outra: opte por uma base neutra e atemporal nos revestimentos, na marcenaria e nos móveis principais, como sofás e mesas. “Assim, basta trocar os acessórios para ter uma decoração diferente, sem gastar muito.”

Em seu apartamento, Bruna, que é dona da loja de decoração Contudo Decor, optou por piso e armários de madeira clara, paredes e bancadas brancas e vidro no aparador que serve de rack na sala e na mesa de jantar. Ela escolheu um tapete que imita o pelo de zebra em contraste com as almofadas coloridas e a gravura de Marilyn Monroe que trouxe de uma viagem a Paris – outros objetos também foram garimpados nos passeios de férias.

No quarto, a cabeceira de laca branca foi substituída por um modelo estofado azul feito sob medida, o que já deu outros ares ao cômodo. Ali, Bruna misturou itens caros e baratos para conseguir o clima romântico que buscava. No pé da cama, por exemplo, a manta é da italiana Missoni e as fronhas são do Extra. “Custaram R$ 9,90 cada e ficaram ótimas na composição.”

Matéria publicada por O Estado de São Paulo em 09 de outubro de 2016

1° FOTO. Neste projeto da designer de interiores Bruna Fabris, acessórios coloridos foram usados sobre uma base neutra. Na parede com tinta-lousa, o lápis é uma luminária.

2° FOTO. Em vez de um rack, a designer de interiores Bruna Fabris optou por um aparador de vidro feito sob medida. Embaixo do móvel tem espaço suficiente para um gaveteiro, caixas e banqueta. O tapete que imita pele de zebra contrasta com o colorido das almofadas.

3° FOTO. O apartamento de 76 m² tem salas e cozinha integrados. O sofá do tempo em que a decoração era marcada pelo uso de preto e cinza foi mantido.

4° FOTO. Nos armários da cozinha, a opção por um tom de madeira mais claro e bancada branca. A mesa de vidro com três lugares foi feita sob medida.

5° FOTO. No quarto principal do apartamento de Bruna Fabris, mistura de caro e barato: a manta ao pé da cama é da Missoni e as fronhas rosa, do Extra. O quadro de Soraya Matos é baseado em uma foto da moradora.

6° FOTO. Apaixonada por vidro de Murano, a designer de interiores Bruna Fabris usou um vaso do materal no criado-mudo. Para mudar os ares do quaerto, ela substituiu a antiga cabeceira de laca branca por um modelo estofado azul.

7° FOTO. Tudo no lugar: o closet bem organizado, com nichos abertos, gavetas e sapateira, tem colares pendurados em puxadores fixados na parede.

8° FOTO. Móveis coloridos de diferentes estilos quebram o branco predominante no quarto, que tem lustre de cristal e composição de quadrinhos e letras na parede.

9° FOTO. No projeto de Bruna Fabris, criado-mudo rosa e mancebo de madeira em forma de cacto, da Contudo Decor.

10° FOTO. As gavetas da penteadeira têm puxadores em formato de cachorro, da Contudo Decor. O copo de cerâmica com pincéis de maquiagem foi comprado pela moradora em uma viagem a Paris.